quarta-feira, 12 de agosto de 2009

La Chanson du Soleil

Amor expressionista -- há quem não resista
o eu-lírico feminino sob uma óptica machista
Nosferatu me desculpe, mas eu sou mais realista.



[ficha técnica]

letra, voz e música - joão vinícius
edição - joão vinícius
fala introdutória - breno fernandes
imagens -
nosferatu [1922, f. w. murnau]

3 comentários:

Cebola disse...

Muito bom, muito bom! Faltou creditar a edição de imagens... belíssimas interações poéticas entre mais uma canção do João com o clássico dos cinemas. E o Breno no ínicio na maior pinta cineasta filho do existencialismo hehehe
Quero aúdios galera!

através do vidro de imagens disse...

adoreiiiiii muito lindo

Marccela Vegah disse...

a experiencia de pudovkin!