domingo, 1 de março de 2009

Lolita

Uma tarde de sábado, uns seis, sete, oito anos atrás, a falta de perspectiva pro dia nos prendia em frente ao mIRC e ao ICQ (vocês lembram disso, crianças?). Resolvemos, então, testar a capacidade de produção via internet. Fizemos Lolita.

Anos depois, João Vinícius desenterrou o poema, não achou grande coisa. Alterou algumas partes e musicou-o. A versão para o Coletivo ainda não é a original, mas uma outra leitura sobre a já então musicada.


acompanhe lendo


[ficha técnica]

texto - breno fernandes e joão vinícius
leitura - joão vinícius
música - joão vinícius

Um comentário:

Leonardo Pastor disse...

Lolita me fez lembrar que preciso voltar a ler Nabocov algum dia desses...